aviario_lar

Os aumentos nos preços dos combustíveis, energia elétrica e os insumos para manter os animais provocam um grande problema no mercado e consequentemente, na indústria avícola. Com isso, para atender as demandas financeiras é importante otimizar o desempenho em aviários e situações como questões ambientais e qualidade do ar. Neste contexto, as práticas vigentes são baseadas  no conhecimento e principalmente, nas legislações que servem para resguardar as aves.

Como estes fatores são dinâmicos e acabam evoluindo com o tempo, o usuário deverá, constantemente, se atualizar para que o manejo do sistema de produção não resulte em aumento do impacto ambiental e esteja fora dos padrões exigidos pelas normas e leis regulamentares. Por isso, é importante  que sejam feitas recomendações junto a instituições ambientais. Existem documentos que tratam de recomendações essenciais para intervenções caso necessário. Mas para que isso aconteça, é necessário que seja feito um plano de manejo da propriedade, pois nela será possível considerar pontos de suma importância, como o panorama ambiental da região e como serão feitas ações advindas de cada necessidade.

As aves obviamente devem ser bem cuidadas, tendo acompanhamento veterinário, alimentação adequada e participação efetiva de uma equipe que auxilie em todo o processo pré-abate, abate, até finalmente chegar a mesa do brasileiro. Para isso, é extremamente importante o acompanhamento de profissionais ligados ao ambiente onde são criadas essas aves.

Sobre os Aviários

Os aviários devem ser lugares que trazem maior conforto aos frangos, com dimensões especiais apropriadas para a  capacidade de alojamento do lote. Isso se deve principalmente a ter um espaço amplo para permitir que os animais possam se locomover, se alimentar e realizar suas necessidades fisiológicas.

Em alguns aviários é possível observar os animais amontoados, o que pode levar, além do mal-estar, ao pior caso, a morte, caso eles fiquem em ambiente inadequado (por exemplo, quente ou frio demais). O espaço adequado é muito relevante, pois em situações de irregularidade térmica, surge ainda outro agravante o estresse social entre os animais que competem por espaços.

Além disso, a estrutura a ser adotada pode ser pré-moldada de concreto, metálica ou madeira e tem que atender as exigências de carga que foi recebida da cobertura, que poderá ser em telhas de alumínio ou barro com inclinação mínima de 33%.  Isso tudo se deve a ter um ambiente propício para o bem-estar das aves, que são animais muito sensíveis.

Tecnologia e Gerenciamento Ambiental

ambiência 2
Equipamento sem fio para monitoramento de temperatura, umidade relativa e luminosidade.

O gerenciamento ambiental, e com ele o licenciamento ambiental, provém da intervenção do Poder Público na atividade privada, com a finalidade de proteção ambiental. Buscando agir de forma a assegurar o desenvolvimento associado à conservação ambiental.

Nesse sentido a automação e a adoção de equipamentos cada vez mais modernos tem ajudado principalmente as atividades e melhoram a produção de forma significativa. Este avanço tecnológico permite inclusive uma melhora no processo de venda do frango, aumentando assim a competitividade no mercado. Está cada vez mais popular nas mídias por grandes players do mercado que a “qualidade do produto começa no início do processo”, e é verdade.

A cadeia avícola brasileira se consolida bastante trazendo bons resultados para a economia. Com isso, é uma verdadeira força tarefa para que estes resultados tornem-se efetivos. A participação do poder publico neste incentivo é essencial para que o monitoramento de parâmetros do ambiente em aviários seja feito de uma forma precisa e bem avaliada. Os resultados trazem ganhos para todos os atores do processo: o produtor com o aumento da produtividade; a agroindústria através da redução de custo do processo; os animais com uma melhor condição de vida e o consumidor final com o aumento das garantias da qualidade do processo e produto.

Com base nestas análises percebe-se a importância do acompanhamento dos parâmetros do ambiente para a melhoria de resultados na produção do aviário e controle de mortalidade dos animais.

Veja quais são os parâmetros para melhoria da ambiência nesse artigo. 

O acompanhamento dos parâmetros do ambiente pode ser realizado de diferentes maneiras, muitos produtores têm grande dedicação ao processo e já apresentam um conhecimento tácito sobre o reflexo das condições do ambiente na produção. Esta é uma maneira de atuar, mas exige grande quantidade de tempo e dedicação.

Medidas através de equipamentos eletrônicos já trazem maior confiabilidade para a situação a qual o processo se encontra e podem ajudar a conduzir para um melhor controle do ambiente. Porém, amostras coletadas de forma esporádica podem facilmente permitir que detalhes importantes passem despercebidos e condições críticas não sejam observadas.

A melhor situação é o acompanhamento contínuo das variações do ambiente, com instrumentos que possam garantir precisão nas medidas, se possível esta informação deve ser compartilhada com técnicos, especialistas do processo e o próprio produtor, para  assim melhorar as chances da condução adequada do processo, sem oportunidades para negligências e consequentemente menor impacto ambiental e maior qualidade para o produto.

Felizmente, vivemos em uma época próspera em tecnologias da informação, já havendo muitas ferramentas e maneiras de aumentar a visão dos processos, extrair mais dados, com maior precisão e de forma rápida. Grandes aliados para os desafios da produção avícola.

 

cta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *